0

Hipercalórico: O que é, efeitos e como tomar

Basicamente, os hipercalóricos são suplementos energéticos que possuem como função principal oferece um suporte calórico diário suficiente. Eles são usados, principalmente, por praticantes de atividades físicas que desejam conseguir ganho de massa corporal em pouco tempo (não importa se de massa magra ou gorda).

Normalmente, pessoas que possuem dificuldade em ganhar peso por ter um metabolismo muito acelerado são os maiores adeptos desses suplementos.

 

Composição dos Hipercalóricos

 

Eles são compostos por proteínas de alto valor biológico, aminoácidos com lipídeos (aqueles considerados bons para o consumo como o ômega-3 e ômega-6), por vitaminas e sais minerais de maneira opcional e como componente principal temos os carboidratos em elevada concentração. Estes, podem ser simples (de alto índice glicêmico), complexos ou uma mistura dos dois tipos. Os hipercalóricos também possuem altas concentrações de proteína o que ajuda no crescimento dos músculos e da hipertrofia muscular.

 

Os benefícios do Hipercalórico são:

 

  • Aumento do peso, tanto em percentual de gordura quanto de massa magra
  • Reconstrução e ganho de massa muscular
  • Balanço energético da dieta
  • Melhor desempenho durante os treinos
  • Associação com a musculação

 

Para aqueles que usam o hipercalórico juntamente com o treino de musculação tendem a ganhar mais massa magra do que aumento de tecido adiposo. O carboidrato é utilizado como fonte de energia durante os treinos e como está em alta concentração é possível manter o treino por mais tempo. Assim, você conseguirá fazer um tempo maior de treino e, consequentemente, pode garantir maior hipertrofia.

 

Para quem é indicado?

 

Indicado para indivíduos que estão iniciando agora na musculação e estão abaixo do seu peso, também para outros esportistas que gastam muitas calorias durante seus treinos e praticantes de algum tipo de arte marcial, usam os hipercalóricos como energizantes.

Após o individuo atingir o peso ideal, o mais indicado é ele substituir os hipercalóricos pela Whey Protein e dextrose. Já que como pode ser visto na composição nutricional dos hipercalóricos, eles possuem grande quantidade de maltodextrina, carboidrato de alto índice glicêmico, que em excesso, pode causar o acúmulo de gordura.

 

Dica de suplemento Hipercalórico

 

Monstrous – Black Skull

Monstrous Black Skull é o hipercalórico para quem quer ganhar peso de verdade. Apresenta um mix de nutrientes com 1000 calorias por dose. Se você quer ganhar peso, o mais importante é ingerir carboidratos de qualidade. São 52 gramas de proteína, 193 gramas de carboidratos e apenas 1,9g de gordura por dose de Monstrous. Tudo para garantir um ganho de massa monstruoso. Sugestão de uso: Misturar 3 colheres-medida (260g) em 470 a 530ml de água, de acordo com a consistência desejada.

 

Massa Monster Black – Probiótica

Massa Monster Black da Probiótica é composto por diversas proteínas, como Caseína Micelar, Whey Protein e Albumina, além de carboidratos, como Waxy Maize, D-Ribose, Palatinose e Maltodextrina, o que possibilita um melhor rendimento nos treinos, potencializando o ganho de peso e de massa muscular. Além destes compostos, conta também com Creat-Magna-Power e MCT, essenciais para um bom desempenho. Também contém diversas vitaminas e minerais, que melhoram a absorção de nutrientes, são antioxidantes e aumentam a imunidade. Sugestão de uso: Bata no liquidificador 5 medidas (em média 120g) em 1 copo (300ml) de água. Ingerir 3 vezes ao dia, próximo aos treinos e no intervalo das refeições.

 

Nutri Mass 7000 – IntegralMédica

Nutri Mass da Integralmédica é o suplemento ideal para quem busca um maior crescimento muscular e uma boa recuperação energética. É composto por Albumina, Proteína do soro do leite, Proteína do Trigo, Vitaminas, Minerais e Maltodextrina. Sugestão de uso: diluir 2 scoops (120g) de Nutri Mass em 1 copo (300ml) de água, leite integral ou desnatado. Consumir 2 porções ao dia, sendo uma delas preferencialmente após o treino e a outra entre as refeições, ou conforme orientação profissional.

0

Benefícios dos termogênicos na queima de gordura

Você já ouviu falar nos benefícios dos alimentos termogênicos para a saúde, inclusive para o seu emagrecimento saudável? Quem quer perder peso precisa ficar atento às formas naturais e saudáveis para conseguir isso, pois a saúde é o mais importante. Veja quais são os benefícios dos alimentos termogênicos, quais são esses alimentos e como eles ajudam você a perder gordura de forma saudável.

 

O que são alimentos termogênicos?

 

As substâncias termogênicas contidas em certos alimentos têm a capacidade de aumentar a temperatura corporal, ou seja, os alimentos termogênicos aceleram o metabolismo, fazendo o corpo gastar mais energia; esse processo auxilia a queimar gordura.

Isto ocorre, pois, a termogênese é um processo regulado pelo sistema nervoso, e interferências neste sistema ajudam no controle da perda e ganho de peso.

Mas eles não são milagrosos, portanto, se você quiser realmente perder peso e definir o corpo, além de usar os alimentos termogênicos, precisará também manter uma alimentação de verdade e saudável. Os exercícios físicos também são essenciais.

Basta pensar que todas as atividades realizadas pelo corpo consomem energia. Obviamente, isso inclui também o processo digestivo, que pode ser usado a seu favor para emagrecer, especialmente quando ingerimos os alimentos termogênicos naturais.

Além dos efeitos sobre o metabolismo, o consumo desses alimentos também aumentam a sensação de saciedade, e reduzem a sensação de fome. Alguns desses alimentos também ajudam a estabilizar a glicose sanguínea, reduzindo a vontade de consumir doces e comer de forma exagerada.

Consumir alimentos termogênicos pode sim ajudar a perder peso, caso seja este o seu objetivo. Mas tenha em mente que sozinhos eles não resolvem o problema. Não existem fórmulas mágicas e se os alimentos termogênicos não forem associados a atividades físicas frequentes e uma alimentação de verdade, não terão o efeito que você gostaria para o seu organismo. Porém, como esses alimentos trazem benefícios superiores ao emagrecimento saudável, veja agora quais são eles:

Benefícios dos alimentos Termogênicos

 

Além de propiciar a perda de gordura, os alimentos termogênicos naturais também contribuem para:

 

Aumento de massa muscular

Alguns estudos mostraram ganhos de massa muscular com maior uso dessas substâncias, tanto em homens sedentários, quanto um aumento na massa muscular em mulheres com excesso de peso, submetidas também a atividades físicas no mesmo período.

 

Melhora do desempenho físico

Para o exercício de alta intensidade, os alimentos termogênicos podem ajudar a melhorar a resistência muscular, não a potência. Isso se traduz em mais contrações musculares.

 

Elimina toxinas

É importante eliminar as toxinas do seu organismo, pois o acúmulo delas causa doenças e acelera o envelhecimento. Os alimentos termogênicos aumentam a produção de suor e aumento da temperatura corporal, o que facilita a remoção das toxinas através do suor.

 

Controle do colesterol e diabetes

Um dos importante benefícios dos alimentos termogênicos, inclui ajudar no controle do colesterol. Isso beneficia a saúde em geral, pois evita o desenvolvimento de doenças como a diabetes.

 

Aumento da taxa metabólica

Especialistas afirmam que esses alimentos aumentam a taxa metabólica em até 30%, dependendo do seu estilo de vida e histórico de saúde.

 

Leia também: 4 suplementos alimentares para emagrecer

 

Há ainda outros benefícios para o organismo:

  • Melhorar a circulação sanguínea;
  • Prevenir câncer de cólon e de ovário;
  • Auxiliar no tratamento de gripes;
  • Estimular a digestão;
  • Eliminar os gases.
0

Dicas para não fugir da dieta nas festas de fim do ano

 

Será que valeria a pena comprometer o trabalho de um ano todo por alguns momentos de prazer? Certamente não! Por isso, veja algumas dicas de como você pode aproveitar as festas de final de ano sem comprometer os seus resultados.

 

Não fique muito tempo sem comer

 

Um erro que algumas pessoas podem cometer é ficar horas sem comer no dia da ceia de Natal ou da comemoração de Ano Novo, pois sabe que na hora da festa vai ter muita comida e deseja compensar a comilança que está por vir. O risco que elas correm é de chegar ao local da festa com um buraco no estômago por conta da fome e acabarem exagerando demais na alimentação, comendo muito mais do que deveriam e ganhando os quilinhos extra das comemorações de fim de ano. Por isso, é bem melhor manter a alimentação normal, se possível comer de três em três horas, e chegar satisfeito na hora da festa. Assim, é possível matar a vontade de comer os quitutes, ingerindo quantias moderadas e não prejudicar tanto a dieta.

 

Deixe o álcool de lado

 

Sim, é difícil pensar em uma festa de final de ano sem um espumante ou um bom vinho. Porém, se você for beber, beba nas menores quantidades possíveis. Por que? Simplesmente por que o álcool além de ser um nutriente vazio, ou seja, um nutriente que acrescenta apenas calorias (sem vitaminas, minerais ou mesmo efeitos benéficos no metabolismo energético), ele também compromete os resultados do praticante de musculação, na medida em que o faz liberar excessos de insulina, deprime seus níveis de glicogênio muscular, aumenta os níveis de desidratação corpórea, compromete o bom funcionamento hepático, deprime os níveis de testosterona e de GH, entre outros pontos. O álcool é uma das piores escolhas as quais você pode fazer não somente em festas de final de ano mas, em quaisquer outras épocas do ano. Se você estiver usando algum tipo de suplemento relacionado com hormônios ou mesmo hormônios sintéticos, tire por completo o álcool de cogitação, pois isso não somente comprometerá os resultados, mas afetará grandemente a saúde.

Cuidado com opções aparentemente saudáveis

 

Muitas pessoas cometem erros cruciais pode alguma falta de conhecimento na hora de selecionar os alimentos. Por exemplo, muitos acreditam que uma salada de frutas seja melhor do que um pedaço de pudim. A grosso modo, podemos dizer que sim, mas, e se essa salada de frutas tiver adicionado creme de leite, leite condensado será tão mais saudável assim?

Ainda falando de calorias, mas no caso das bebidas, será mesmo que um suco de frutas ou pior, um néctar de frutas é mesmo mais saudável do que um corpo de refrigerante zero? Certamente não, pois o teor de frutose do suco aliado a falta de fibras é extremamente prejudicial ao corpo.

Sim, nem sempre as opções que parecem ser mais saudáveis, de fato são. É necessário entender a base do que está composto ali naquela preparação para então conseguir entender o que é ou não melhor. Além disso, considere que, moderando as quantidades de alimentos ingeridos, fica muito mais fácil conseguir obter um bom controle e da mesma forma, para permitir com que você coma de tudo um pouco.

 

Procure alimentos proteicos

 

Alimentos proteicos são excelentes e relativamente fáceis de serem encontrados em quaisquer festas de final de ano. Peru, assados de aves (chester, frango etc), assados suínos magros (tender, lombo sem a capa de gordura, pernil sem gordura etc), peixes diversos e outros pescados ou mesmo a boa e velha carne do churrasco são excelentes opções.

O consumo proteico auxiliará na manutenção da massa muscular, pois garantirá substratos necessários para a síntese proteica, auxiliará no menor consumo de outros alimentos, pois eles promovem mais rapidamente e por mais tempo a saciedade e ainda são extremamente saborosos.

Alimentos de origem animal ainda fornecerão boas quantidades de vitaminas e sais minerais os quais muitas vezes não são encontrados (pelo menos não em boas e biodisponíveis quantidades) em alimentos vegetais e também boas quantidades de lipídios, favorecendo o controle glicêmico nas refeições, fornecendo ácidos graxos essenciais (família do ômega) e, claro, favorecendo a síntese hormonal endógena.

 

Hidrate-se com água ao invés de outras bebidas

 

Quando não estamos bem hidratados, corremos o risco de confundir a fome com a sede e acabamos comendo mais sem que haja necessidade. Além disso, beber bastante água ajuda a proporcionar a sensação de saciedade do organismo e a evitar que comamos exageradamente.

 

Não passe fome

 

Tem muita gente que antes da ceia de Natal, ou Ano Novo, normalmente passa o dia inteiro sem comer, só pra abusar de comer na ceia. O que ocorre é que, além disso ser algo ruim para o corpo por gerar primeiro muito catabolismo e depois uma grande descarga metabólica, você ainda corre o risco de passar mal e ter problemas digestivos. O ideal é que você coma adequadamente e com certa frequência, pelo menos para manter o metabolismo em estado normal. Quanto mais você foge do que faz em seu dia-a-dia piores serão os prejuízos. Portanto, lembre-se de que alguns momentos não valerão todos os seus esforços passados.

 

Não pule o café da manhã no dia seguinte

 

Da mesma forma, não descuide no café da manhã no dia posterior a festa, mesmo que você vá comparecer a outro evento na hora do almoço. Além de ser uma maneira de manter o metabolismo acelerado, se alimentar logo pela manhã é uma forma de manter o corpo saciado e não exagerar nas refeições que estão por vir.

 

Conclusão

 

Chega o final do ano e grande parte das pessoas jogam os resultados que lutaram para conseguir o ano todo na lata do lixo. Realmente, não é fácil conseguir fugir da comilança exagerada e dos abusos durante as festas de final de ano. Mas tenha em mente os benefícios que esses esforços irão trazer para o seu corpo e saúde a longo prazo e não deixe que isso prejudique o tempo agradável que você tem para passar com a sua família e/ou amigos.

Certamente, com bom-senso e moderação, será possível conquistar resultados surpreendentes, bem como, mantê-los.

0

O que é o Tribulus Terrestris?

Se você é um frequentador das academias, provavelmente já deve ter ouvido falar sobre essa planta: Tribulus Terrestris.

Na última década, a Tribulus Terrestris tornou-se bastante conhecida no meio esportivo, pois o ganho de testosterona provocado pela erva que intensifica a queima de gordura no organismo, aumentado a massa muscular e a massa magra. De acordo com algumas pesquisas, esta planta também é capaz de melhorar a densidade mineral óssea, o metabolismo e os níveis de imunidade, sendo também indicado para idosos.

 

O que é Tribulus Terrestris?

 

O Tribulus Terrestris é uma planta que integra a categoria das “plantas medicinais”, ou seja aquelas que trazem benefícios para a saúde, cura e prevenção de doenças. Ela vem sendo chamada de “viagra natural”, graças aos seus benefícios para a saúde sexual masculina. É uma planta nativa das regiões quentes e o seu princípio ativo é a Saponina. Além de afrodisíaca, a Tribulus Terrestris também contém ação diurética, tônica, analgésica, anti-espasmódica, antiviral e anti-inflamatória. Esta planta também é considerada um laxante natural suave e tônico geral, servindo como complemento para tratar problemas cardiovasculares e no fígado. Também é indicada para tratar infertilidade, incontinência urinária, vertigens, gripes, resfriados e herpes.

 

Benefícios do Tribulus

 

Saúde sexual masculina

 

Talvez esse seja o benefício mais buscado pelos homens: o Tribulus Terrestris é um poderoso estimulante sexual. Pesquisas já comprovaram que o seu uso provoca um aumento da vasodilatação da região genital, o que faz com que a ereção seja mais prolongada. Ele também contribui para aumentar a libido sexual, já que as substâncias presentes no Tribulus Terrestris leva a um aumento da testosterona.

 

Reduzir a pressão arterial

 

Outro benefício bastante observado é a redução na pressão arterial devido ao uso de o Tribulus Terrestris, também graças ao efeito vasodilatador da planta, que inibe a produção de enzimas que elevam a pressão.

 

Ganhar massa muscular

 

Esse benefício também vem do aumento da testosterona provocado pelo o Tribulus Terrestris. Porém, esse aumento só acontece em pessoas cujo nível está abaixo do normal, ou seja, serve para estabilização. Com os níveis de testosterona em taxas normais, os resultados nos treinos aparecem mais facilmente.

 

Contra indicações e efeitos colaterais do Tribulus

 

Apesar de se tratar de um suplemento natural, o Tribulus Terrestris possui algumas restrições quando ao seu uso. Ele não é indicado para crianças, gestantes e mulheres em fase de amamentação. Também não deve ser consumido por pessoas que possuem ou que já passaram por um tratamento de câncer. Mulheres também precisam ter cautela: Não deve ser usada por mulheres com alterações na glândula suprarrenal, que sofrem com excesso de pelo, síndromes de androginia, queda de cabelos e excesso
de oleosidade na pele.

 

Como usar

 

Ingerir três cápsulas ao dia. Uma ao acordar e duas antes de dormir.

0

Celulite tem Solução?

Celulite é a herniação de gordura subcutânea no tecido conjuntivo fibroso que se manifesta na pele como ondulações, retrações e nódulos. Ocorrem geralmente sobre os glúteos, coxas e abdômen, porém podem acometer todo o corpo.

Acontece em aproximadamente em 85% a 98% de todas as mulheres após a puberdade. A causa de seu surgimento é multifatorial e envolve uma combinação complexa de fatores como:

 

  • Alterações no metabolismo;
  • Fisiologia e tipo de organismo;
  • Sedentarismo;
  • Dieta não balanceada;
  • Pouca ingestão de água;
  • Uso de hormônio feminino;
  • Alteração da estrutura do tecido conjuntivo;
  • Fatores constitucionais e genéticos;
  • Insuficiência no sistema da microcirculação;
  • Alterações na matriz extracelular;
  • Alterações inflamatórias.

 

Sendo um problema que possui inúmeras causas não haverá então um único tratamento “milagroso” que irá acabar com a celulite. O tratamento também tem que ser “MULTI” e atacar a celulite por todos os lados. Procedimentos estéticos atuam no tratamento da celulite basicamente melhorando a circulação local, diminuindo a camada de gordura, melhorando a drenagem linfática, diminuindo as traves fibrosas e herniação da gordura; porém, tudo de forma limitada.

Mesmo que melhore o aspecto e até elimine em algumas áreas, dificilmente acabará com o problema, o mesmo para os cosméticos que atuam de forma ainda mais limitada. Temos então que associar a isso, uma dieta que tenha como objetivo uma diminuição de BF (Body Fat, gordura corporal), com um consequente aumento de massa magra. Sempre associando a dieta uma rotina de exercícios físicos que tenham o mesmo objetivo redução de massa gorda e aumento de massa magra.

Em alguns casos, com orientação de nutricionistas, atividade física e a retirada de anticoncepcionais são os elementos que sozinhos possuem o maior impacto na diminuição ou até eliminação total da celulite.

Este tratamento como vimos é um processo que não é fácil nem rápido, e exige muita disciplina e determinação principalmente para eliminar vícios alimentares (açúcar, frituras, álcool, excesso de carboidratos simples etc.). Adotar uma rotina de exercícios físicos durante o ano todo e não apenas para o verão, férias, carnaval é fundamental para reduzir a Celulite e também gerar mais qualidade de vida.

Bons treino!

0

O que é Maltodextrina e quais seus benefícios?

A maltodextrina é um carboidrato complexo proveniente do amido, normalmente de milho, mas pode ser de outros alimentos, com a mandioca. Ela é constituída por polímeros de glicose e apesar de ser um carboidrato complexo, esses compostos de açúcar são mais facilmente absorvidos pelo organismo.

Este suplemento é orientado para pessoas que praticam atividades físicas aeróbicas de alta intensidade e longa duração e também para quem faz musculação. Quando consumida antes do treino a maltodextrina irá garantir que o corpo tenha as quantidades corretas de glicose para a prática segura de exercícios, poupando as proteínas teciduais e evitando a hipoglicemia.

Ao ser ingerida após os treinos a maltodextrina ajuda a repor o glicogênio muscular, assim ela evita que as proteínas sejam utilizadas como fontes energéticas, favorece a absorção desta substância pelos músculos e contribui para a melhor recuperação muscular. Para os praticantes de atividades físicas o consumo da maltodextrina pode ser mais interessante do que o de outras fontes de carboidratos, como o arroz ou o macarrão, porque sua absorção é mais rápida e seu consumo mais prático, pois é comercializada em pó ou em gel.

 

Gerando Energia

 

Como a Maltodextrina é capaz de garantir a gradual e intensa liberação de glicose para suprir as demandas energéticas do corpo, as proteínas não precisam sair de sua função principal para suprir o papel dos carboidratos, que é de garantir energia. Assim, as proteínas podem ocupar-se quase que totalmente em construir os tecidos musculares, otimizando esse seu papel.

 

Quem pode consumir Maltodextrina?

 

Por seu alto teor energético, esse composto é indicado para atletas, como tenistas, jogadores de futebol, maratonistas, nadadores, praticantes de musculação intensa etc. Não é aconselhável para os que praticam atividades físicas leves ou moderadas, já que uma alimentação balanceada é capaz de fornecer todas as taxas energéticas necessárias para esses tipos de exercícios.

Pessoas com diabetes, com triglicérides elevado, gestantes, lactantes, idosos, crianças e portadores de outra patologia não devem consumir esse tipo de suplemento (ou devem fazer isso com cuidado).

 

Maltodextrina Engorda?

 

Com todo esse ganho energético que a Maltodextrina gera, fica a pergunta: Maltodextrina Engorda?

A verdade é que, por ser um suplemento energético, a Malto possui uma grande quantidade de calorias por porção (em média, a dosagem diária gira em torno de 400 calorias – em 6 colheres de sopa de maltodextrina). Se todo esse fornecimento de energia não for queimado durante a prática, a maltodextrina engorda sim, e muito. É acumulada em forma de gordura. Por isso não é recomendada para pessoas que treinam pouco ou praticam exercícios leves.

 

0

Tipos de Whey Protein

O Whey Protein (proteínas do soro) apresenta rápida absorção, aumento temporário nos níveis de aminoácidos no sangue e sinalização para síntese proteica no músculo. Tem excelente perfil de aminoácidos, principalmente o leucina, que favorece o anabolismo muscular.

Hoje em dia temos uma infinidade de marcas e tipos de Whey Protein. Com a procura e o consumo desse suplemento aumentando cada vez mais, saber diferenciar é essencial para você alcançar bons resultados.

 

Os tipos de Whey Proteino

 

A diferença ocorre pelo processo que é produzido, isso interfere na pureza da proteína, na absorção e claro no preço. Porém, sabendo como e quando tomar sua proteína, nunca será um desperdício e você poderá aproveitar o máximo do seu Whey Protein. Veja as diferenças:

 

Pode conter entre 25 a 89% de proteínas, carboidratos (lactose) e lipídeos. Um bom Whey Concentrado contém em torno de 80% a 89% de proteínas do soro do leite, reduzindo a quantidade de carboidratos e gorduras. É mais utilizado como aditivo alimentar, devido seu baixo custo e processo de fabricação. Não é indicado para intolerantes à lactose. É a forma mais barata e rica em aminoácidos essenciais e de cadeia ramificada, que permitem a liberação de componentes bioativos responsáveis pela aceleração do anabolismo e recuperação muscular.

 

É a forma de Whey mais pura, sofre processo de filtração obtendo mais de 90% de proteínas, possui maior grau de pureza, sendo removidos à lactose e gorduras. Além disso, a maioria das Wheys Isoladas são isentas de gordura e com menos de 1% de lactose, sendo o mais indicado para os portadores de intolerância à lactose. Possui todas as vitaminas e mineras do leite, além de todos aminoácidos essenciais, não essenciais e condicionalmente essenciais. Sua digestão é considerada ótima.

 

O processo de hidrólise consiste em quebrar as proteínas em tamanhos menores, facilitando a digestão e sendo mais rapidamente e facilmente absorvidas. Entretanto, este processo de hidrólise pode estar presente na forma de Whey Protein Concentrada (que terá lactose) e na forma isolada. Pode conter traços de gordura, carboidratos, gordura e mineiras. Necessita de muitos litros de leite para ser confeccionado.

 

Existe benefício da utilização da forma isolada para a concentrada?

 

Há um limite máximo de estímulo à síntese proteica desempenhada pela ingestão de proteínas que parece estar entre 20 a 30g. Aumentar doses de suplementação não potencializa a síntese proteica.

O importante é fazer uma correção na proporção utilizada do Whey Concentrado, escolher uma marca que tenha boa proporção de proteína, para que seja alcançada a dose de 20g a 30g. O custo da proteína isolada é muito mais caro do que da concentrada, e só há verdadeiro benefício para indivíduos com sensibilidade ou intolerância à lactose.

Assim é mais fácil escolher o ideal pra você. Se você tiver mais dúvidas sobre o assunto, procure um nutricionista.

0

Para que serve o colágeno?

O colágeno é uma proteína. Sua função é primordialmente estrutural, ou seja, proporciona sustentação às células, mantendo-as unidas, sendo o principal componente protéico de órgãos como a pele, ossos, cartilagens, ligamentos e tendões.

O colágeno é como um bloco de construção do corpo. Ele nos mantém com aparência jovial e saudável, e por isso cada vez mais as pessoas tem procurado tomar colágeno (quer seja em pó, em cápsulas ou alimentos com colágeno). No entanto, é melhor conhecer a realidade dos efeitos do colágeno, antes de gastar dinheiro em tratamentos de colágeno – e sobre os riscos que você pode levar em usar certos tipos de suplementos de colágeno.

Esta proteína representa cerca de 30% de toda esta estrutura no organismo humano. A partir dos 25 anos (aproximadamente, esta idade varia de acordo com aspectos genéticos e ambientais), passamos a sofrer uma perda de colágeno por volta de 1% ao ano.

Aproximadamente aos 50, o organismo passa a produzir apenas cerca de 33% do colágeno necessário para os órgãos de sustentação. Ou seja, não há uma produção/reposição adequada do colágeno no organismo.

Esta é apontada como uma das principais causas dos sinais do envelhecimento, uma vez que com a diminuição do colágeno os músculos ficam flácidos, a densidade dos ossos diminui, as articulações e ligamentos perdem sua elasticidade e força, e a cartilagem que envolve as articulações fica frágil e porosa. A deficiência de colágeno está também associada com a diminuição da espessura do fio capilar e com a desidratação e perda de elasticidade da pele, culminando em flacidez e no aparecimento de estrias, celulites e rugas.

 

O Colágeno engorda?

 

Não, o colágeno não engorda. Ele é uma proteína, e tem calorias, mas ele sozinho não vai engordar não. Ah não ser que você abuse da alimentação e ainda complemente com o colágeno, aí sim irá engordar. O lado bom da história é que o colágeno ajuda a tirar a fome então pode ser até que, quem toma colágeno frequentemente possa emagrecer.

 

Suplementos

 

Os suplementos de colágeno são supostamente para reverter esta perda natural. Existem hoje no mercado muitas formas de suplementos de colágeno: em cápsulas, em pó, em barras de cereais ou outros alimentos, em shakes, em cremes e até em injeções (este um caso a parte, pois apenas o médico dermatologista ou cirurgião plástico pode fazer a aplicação.)

 

Dica de suplemento: Colagentek

 

O Colagentek da Vitafor é um suplemento formulado a base de colágeno hidrolisado e enriquecido com vitaminas para potencializar seus efeitos. Colagentek foi desenvolvido especialmente para aumentar a hidratação da pele e melhorar o aspecto da celulite.

Entre os seus benefícios principais, o colágeno ajuda a dar força para várias estruturas do corpo, protege a pele e melhora a aparência das unhas e do cabelo.

 

Benefícios do Colagentek da Vitafor

 

  • Contém 9g de proteína de colágeno hidrolisado por dose;
  • Exclusiva formulação com precursores de colágeno;
  • Contem mix de vitaminas e minerais;
  • Versão Neutra livre de FODMAP´s;
  • Alta concentração de glicina, aminoácido importante na formação do colágeno.

 

Em casa de dúvidas, procure um nutricionista.